IVJ promove encontro com catadores beneficiados do Projeto Irmão Lourenço

O momento, com quase cem participantes, foi motivado para a entrega de abadás do bloquinho “Que História é Essa?!”, sendo este um evento organizado e pensado em favor da comunidade, onde o abadá terá valor simbólico e com fins de arrecadação beneficente.
2 de fevereiro de 2018

O Instituto Vale do Jaguaribe – IVJ promoveu nessa quinta, 01, um encontro com os recicladores da comunidade do Pedregal que participam do Projeto Irmão Lourenço. O encontro, realizado na Faculdade do Vale do Jaguaribe – FVJ, contou com a presença de membros que fazem esse projeto acontecer, do IVJ e da direção geral da faculdade.

O momento, com quase cem participantes, foi motivado para a entrega de abadás do bloquinho “Que História é Essa?!”, sendo este um evento organizado e pensado em favor da comunidade, onde o abadá terá valor simbólico e com fins de arrecadação beneficente.

Para além de um ato solidário, o projeto Irmão Lourenço, que trabalha com crianças dos bairros de Aracati e pessoas do lixão que moram no Pedregal, promove um espaço de assistência e compreensão.

Almerio Lobo, que está à frente do projeto há quase 20 anos, declara ser um prazer colaborar com essas pessoas e que “eles de certa forma nos ensinam muita coisa, aprendi a valorizar mais a vida, aprendi a valorizar mais as pessoas e não ter essa ganância de querer muito”.

Para Regis Costa da Silva, que trabalha no lixão, o Projeto Irmão Lourenço é emocionante e proporciona o acolhimento que eles precisam. Regis reconhece o trabalho de Almerio e acredita na importância da solidariedade das pessoas. Outra moradora do Pedregal, dona Maria das Graças Florêncio de Sousa, vulgo Preta, espera que a colaboração da faculdade seja contínua, pois “a comunidade precisa muito desse projeto”.

“Têm muitos projetos já saindo do papel, que são projetos para inserir os nossos jovens, contamos com a força da comunidade para levar isso adiante, porque nós estamos inseridos e fazemos parte desse bairro”, enfatizou o Diretor Geral da FVJ, Antônio Henrique.

Aproveitando a oportunidade, o trailer de “Lixo Extraordinário”, um documentário do artista plástico Vik Muniz sobre os catadores de material reciclável, foi exibido, com a promessa de que um dia os catadores possam assisti-lo por inteiro.

O encontro terminou descontraído e um lanche servido para os presentes. São momentos como esse que a FVJ, através do IVJ, deseja promover e estará colaborando em projetos que beneficiem a comunidade e visam a educação.

Visualizar galeria
NAP sob nova direção: Márcia Skibick assume coordenação do núcleo Professora e Doutora em Psicologia, Márcia Skibick Araújo possui vasta experiência acadêmica e de gestão.
8 de abril de 2021
Pós FVJ dá início ao curso de Especialização em Farmácia Clínica e Hospitalar Aula inaugural foi realizada no último sábado, dia 27 de março
1 de abril de 2021
Matrículas abertas: curso de Especialização em Educação Infantil e Alfabetização “A Educação Infantil é uma etapa fundamental do desenvolvimento escolar das crianças. Ao democratizar o acesso à cultura escrita, ela contribui para minimiza...
12 de março de 2021