Palestra internacional abre semestre 2017.1 da FVJ

Evento discutiu o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”
1 de fevereiro de 2017

Evento discutiu o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”

Na noite de ontem (31), os estudantes da Faculdade do Vale do Jaguaribe (FVJ) tiveram a oportunidade de assistir a uma palestra internacional no auditório do Campus da instituição, com o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”. Os palestrantes convidados foram os professores Augusto Neto, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Nazim Agoulmine, da Universidade de Evry (Paris), e o professor Mauro Oliveira, secretário Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de Aracati.

O professor Augusto Neto apresentou um projeto desenvolvido na UFRN que tem a proposta de desenvolver aplicações e serviços para Natal, transformando a capital potiguar em um piloto de cidade inteligente e humana no Brasil. “A ideia é fazer de Natal um laboratório aberto, como vários que existem no mundo. E a expectativa é que as aplicações que funcionam em Natal e em outras cidades possam ser adaptadas e criar novas aplicações em novos cenários, como, por exemplo, Aracati”, explicou.

Sobre a importância da palestra, o pesquisador ressaltou que “esse tipo de colaboração é muito bem-vindo para qualquer universidade. É importante haver essa parceria, não o isolamento”. Segundo Augusto, o maior de todos os beneficiados é justamente “o centro da cidade inteligente, que é o ser humano, que somos nós”, encerrou.

Para o professor Nazim Agoulmine, que veio ao Aracati pela segunda vez, a FVJ não deixa a desejar em estrutura e qualidade em relação às universidades francesas. “Estamos muito bem organizados. O professor Augusto e o professor Mauro são pessoas que têm muito interesse em tecnologia. O projeto de cidade inteligente é uma coisa muito importante aqui em Aracati. A pessoa aqui tem uma educação de qualidade alta, a mesma que a dos estudantes da França”, comentou.

Já o professor Mauro Oliveira destacou a importância da tecnologia para mudar a vida das pessoas, melhorando principalmente a economia e os serviços oferecidos. Além disso, ele também enfatizou o papel dos jovens nesse processo. “São os jovens que são capazes de fazer as mudanças. Nós temos que preparar a nova geração. Nós temos que seduzir, dizer que eles têm que acreditar. Esse Brasil precisa de exemplos e eu acredito mesmo que Aracati poderá dar exemplo em várias áreas”, falou.

Visualizar galeria
FVJ apresenta LETRAS E PEDAGOGIA EM FOCO 2021 Evento aconteceu em 20 e 21 de maio, com debates pertinentes para a profissão docente no contexto atual
22 de maio de 2021
A FVJ, o Brasil e o mundo relatam: memórias de uma pandemia no século XXI Publicação conta com a participação da professora e antropóloga Dra. Abda Medeiros (integrante do NEACS), as ex- monitoras e graduandas em Enfermagem Renaly ...
21 de maio de 2021
Instituto Vale do Jaguaribe e Associação Cultural Canoa Criança celebram Conv... Com a parceria, o Jaguar Sport Clube amplia sua atuação para a comunidade de Canoa Quebrada
18 de maio de 2021