Palestra internacional abre semestre 2017.1 da FVJ

Evento discutiu o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”
1 de fevereiro de 2017

Evento discutiu o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”

Na noite de ontem (31), os estudantes da Faculdade do Vale do Jaguaribe (FVJ) tiveram a oportunidade de assistir a uma palestra internacional no auditório do Campus da instituição, com o tema “Cidades inteligentes no Brasil e no mundo”. Os palestrantes convidados foram os professores Augusto Neto, da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Nazim Agoulmine, da Universidade de Evry (Paris), e o professor Mauro Oliveira, secretário Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação de Aracati.

O professor Augusto Neto apresentou um projeto desenvolvido na UFRN que tem a proposta de desenvolver aplicações e serviços para Natal, transformando a capital potiguar em um piloto de cidade inteligente e humana no Brasil. “A ideia é fazer de Natal um laboratório aberto, como vários que existem no mundo. E a expectativa é que as aplicações que funcionam em Natal e em outras cidades possam ser adaptadas e criar novas aplicações em novos cenários, como, por exemplo, Aracati”, explicou.

Sobre a importância da palestra, o pesquisador ressaltou que “esse tipo de colaboração é muito bem-vindo para qualquer universidade. É importante haver essa parceria, não o isolamento”. Segundo Augusto, o maior de todos os beneficiados é justamente “o centro da cidade inteligente, que é o ser humano, que somos nós”, encerrou.

Para o professor Nazim Agoulmine, que veio ao Aracati pela segunda vez, a FVJ não deixa a desejar em estrutura e qualidade em relação às universidades francesas. “Estamos muito bem organizados. O professor Augusto e o professor Mauro são pessoas que têm muito interesse em tecnologia. O projeto de cidade inteligente é uma coisa muito importante aqui em Aracati. A pessoa aqui tem uma educação de qualidade alta, a mesma que a dos estudantes da França”, comentou.

Já o professor Mauro Oliveira destacou a importância da tecnologia para mudar a vida das pessoas, melhorando principalmente a economia e os serviços oferecidos. Além disso, ele também enfatizou o papel dos jovens nesse processo. “São os jovens que são capazes de fazer as mudanças. Nós temos que preparar a nova geração. Nós temos que seduzir, dizer que eles têm que acreditar. Esse Brasil precisa de exemplos e eu acredito mesmo que Aracati poderá dar exemplo em várias áreas”, falou.

Visualizar galeria
Visita da Secretária de Saúde de Aracati ao campus da FVJ Encontro ocorreu na manhã de hoje (21).
21 de setembro de 2021
II CEFS e suas contribuições para as discussões sobre o profissional de Educa... Evento aconteceu entre os dias 31 de agosto a 03 de setembro, em modalidade híbrida.
17 de setembro de 2021