Professor Marcos Vieira receberá título de Cidadão Aracatiense

Neste sábado (16), nosso parceiro, amigo e articulador do IVJ, Professor Marcos Vieira, estará recebendo o título de Cidadão Aracatiense. Veja aqui na íntegra a satisfação do professor por receber honrosa homenagem.
15 de dezembro de 2017

Neste sábado (16), nosso parceiro, amigo e articulador do IVJ, Professor Marcos Vieira, estará recebendo o título de Cidadão Aracatiense.

 

 

Veja agora na íntegra a satisfação do professor por receber honrosa homenagem:

 

“Amigos(as) aracatienses, obrigado pelo título de cidadania da terra que amo: Aracati.

 

Fui trazido pelo sangue, por minhas origens, por um sentimento de dever, de missão, de contribuição com um propósito maior que todos nós. Desta terra brotaram meus maiores exemplos, meus principais estímulos, meus importantes significados.

Foi daqui que eu, de certa forma, saí para o mundo para nele aprender, desenvolver-me, e então poder voltar, e então poder trabalhar algo além de projetos e políticas públicas pautadas na técnica e no profissionalismo.

Como fotógrafo, sociólogo e professor da FVJ, pude trabalhar o olhar das pessoas, as cores, ritmos e sons produzidos por elas. Eu vim trabalhar com a palha, com o barro, com a areia. Eu vim trabalhar com as mãos que movimentam a terra, que remexem a lama dos mangues. Eu vim resgatar o sorriso, a fantasia outrora esquecida.

Eu vim pelo Carnaval Cultural e seu festival de imagens, por sua batucada, por seus enredos singulares, por seus sons encantadores, por todas as histórias que ele nos conta, ensinamentos e reflexões que provoca, não só em mim, mas em todos que se maravilham com ele.

Eu vim somar história com sol e mar, e então oferecer ao meu lugar uma chance, uma oportunidade de crescimento sustentável, equilibrado, onde os aspectos sociais e o capital ecológico são eixos estratégicos no desenvolvimento e na formação de um povo.

Somos parte de um mundo, um mundo que ferido de morte pede socorro. Desta feita, harmonizar crescimento econômico com consciência ambiental, com políticas de valorização humana, é hoje o grande desafio de empresas, cidades e da sociedade como um todo.

O potencial de Aracati enche os olhos de qualquer profissional. Qualquer técnico que se preze enxerga aqui uma gama enorme de pujanças artísticas e culturais, de mecanismos de desenvolvimento sustentável que bem trabalhados oferecerão a esta cidade um futuro digno. Isso também me trouxe para cá.

Nossa natureza é exuberante. Temos em Canoa Quebrada um expoente do turismo internacional. Temos um patrimônio arquitetônico riquíssimo, temos dança, música, mas temos principalmente pessoas. São os contos e causos, são os mitos, são as lendas… Está no ar, nas nossas tradições, é o que realmente somos.

Nós temos o Rio Jaguaribe, o maior rio seco do mundo, que encanta e alimenta milhões de pessoas. Um verdadeiro sobrevivente, de capacidade náutica gigantesca, que leva pra lá e pra cá nossos desejos de busca por paz, por descanso, pela simples sensação de um vento batendo no rosto.

Isso tudo precisa cada vez mais ser entrelaçado, trabalhado de forma uniforme e estratégica, para que aquele que vier nos visitar encontre aqui algo que ele nunca viu, algo que lhe preencha, que lhe permita voltar pra casa sendo uma pessoa diferente. É isso que as pessoas buscam quando viajam.

No pouco tempo como Secretário, período entre maio e dezembro de 2016, buscando desenvolver uma gestão participativa, um canal aberto de diálogo com os diferentes agentes, promovemos a reestruturação do Conselho Municipal de Cultura; a estruturação do Conselho Municipal de Turismo.

No Corredor Cultural, ponto alto do nosso trabalho, buscamos proporcionar, primeiramente ao povo de nossa cidade, um momento de encontro com sua gastronomia, com seu artesanato, com sua música, dança, com seu teatro, bem como atrair o turista para uma opção diferente de turismo, algo que complementasse e prolongasse sua estadia.

O Corredor Cultural é também uma forma de fomentação da economia local. Ele é, acima de tudo, a compreensão de que arte, cultura e história precisam ser vistas além do contexto do entretenimento, mas sim como um produto real de consumo, de desenvolvimento econômico, humano, social e sustentável.

O projeto, tomado por uma postura de agradecimento e valorização dos personagens que fazem nossa história, teve a honra de homenagear o músico Tio Bruno; a Família e a Casa Ponciano; Dragão do Mar e o Universo Negro do Mestre Hélio Santos, Chico de Janes e a Família Zaranza.

Eu agradeço ao meu partido, o PV, aos Dr. Falcão, ao ex-vereador Tácito Forte pela proposição, em especial, Andrea Melo, que nutre por essa terra um amor desmedido; aos empresários do trade turístico pelo apoio constante. Agradeço especialmente aos profissionais da Secretaria de Turismo e Cultura, que mesmo com as dificuldades ajudaram-me a sonhar e a realizar. Muito obrigado!

Mas, principalmente, agradeço ao povo de Aracati por suas várias facetas, por sua criatividade, genialidade, por sua capacidade de ser único, de me estimular a ficar, a continuar produzindo, sonhando junto com cada um de vocês, por fazer permanecer vivo um sentimento de continuidade.

Um agradecimento especial à Faculdade Vale – FVJ do Jaguaribe e ao Instituto Vale Jaguaribe – IVJ pelas oportunidades de fazer e estar próximo de duas coisas que amo: Aracati e educação.

Sigo caminhando por aí, entre as vielas e casarões, nos corredores apertados do mercado, nas margens do Jaguaribe, nas falésias de nossas praias, nas estradas empoeiradas de nossas comunidades; porque esse sou eu, essa é a parte de mim forjada no calor do seio desta terra, e aqui permanecerei; agora como cidadão aracatiense de fato e de direito.

Obrigado Aracati.”

Marcos Vieira

Professor, sociólogo e fotógrafo

Consultor IVJ.

NAP sob nova direção: Márcia Skibick assume coordenação do núcleo Professora e Doutora em Psicologia, Márcia Skibick Araújo possui vasta experiência acadêmica e de gestão.
8 de abril de 2021
Pós FVJ dá início ao curso de Especialização em Farmácia Clínica e Hospitalar Aula inaugural foi realizada no último sábado, dia 27 de março
1 de abril de 2021
Matrículas abertas: curso de Especialização em Educação Infantil e Alfabetização “A Educação Infantil é uma etapa fundamental do desenvolvimento escolar das crianças. Ao democratizar o acesso à cultura escrita, ela contribui para minimiza...
12 de março de 2021